Eleito deputado estadual, pecuarista Jesus Pontes diz que priorizará geração de empregos

Dirigente da Acriap e fundador da Aprosoja no Amapá, Jesus Pontes foi eleito deputado pelo PTC

Cleber Barbosa, da Redação

Estreante na política, o jovem pecuarista Jesus Pontes, que preside a Associação dos Criadores do Amapá (Acriap) comemorou bastante a vitória nas urnas na eleição de domingo. Ele retomou o trabalho na entidade, na Casa do Agro – sede da Acriap e Aprosoja – e diz que o mandato conquistado estará voltado principalmente à geração de emprego e renda para a população. Economista por formação, teve uma carreira acadêmica destacada, com passagens também pela Fundação Getúlio Vargas, Banco Mundial e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Falando ao Portal do Agro, Jesus Pontes diz que a experiência na campanha foi algo marcante, uma experiência de vida que certamente irá imprimir um ritmo bastante diligente em sua atuação parlamentar, mas com o olhar para o social. “No modelo de democracia representativa que temos, claro que essa candidatura foi impulsionada pela representatividade do setor da agropecuária ao qual pertenço, mas a partir desse contato com as comunidades queremos ser uma voz na defesa daqueles mais necessitados”, diz Pontes.

Neste sentido, diz que procurou levar aos eleitores uma mensagem de que para espantar de vez a crise o Amapá precisa gerar empregos, daí seu apoio incondicional aos pequenos empreendedores, aos extrativistas, aos garimpeiros, aos produtores rurais e o comércio em geral. “A agricultura familiar faz muito pelo Amapá e pelo país, então a união desse setor com os empresários do agronegócio certamente fará um bem maior na missão de gerar renda, empregos e o sustento para nossa gente, por isso eu repito tanto que acredito no Amapá”, diz o deputado estadual eleito.

Empreendedor

O pecuarista Jesus Pontes, tem 41 anos de idade, e desde criança lida com a criação de gado | Foto: Thiago Guimarães

Jesus Pontes obteve 3.894 votos na eleição de domingo, sendo o segundo mais votado em sua coligação, sendo filiado ao PTC (Partido Trabalhista Cristão). Ele é um dos fundadores da Aprosoja no Amapá e desde que assumiu a direção da Acriap perseguiu o objetivo de tirar o Amapá do incômodo status de alto risco de aftosa em seu rebanho. Esteve ombreado com o poder público e a iniciativa privada para galgar passo a passo o caminho para alcançar, em

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO: