Parceria entre empresas de pesquisa e cooperativa visa melhorar a produção de mandioca

Seleção genética na cultura da mandioca desenvolvida na Fazenda Bela vista, em uma parceria com o Sebrae, Embrapa Copercedro busca elevar a produtividade de mandioca através dos testes de 42 cultivares na região da comunidade do Maruanum, município de Santana.

O dia de campo aconteceu ontem, 27, e contou com a presença de representantes do Sebrae-AP, Embrapa-AP, e produtores da Copercedro, onde ocorreram exposições técnicas a respeito do método de seleção genética, mensuração da concentração de amido nos cultivares de mandioca, e até mesmo peça teatral de sensibilização sobre importância do cooperativismo para o desenvolvimento do pequeno produtor rural.

Segundo a produtora Sandra Siqueira, “o trabalho feito em parceria com Sebrae-AP e a Embrapa-AP, poderá representar grande mudança na produtividade na mandiocultura local, que passará das atuais 6 toneladas por hectare para cerca de 32 toneladas por hectare”. Isso significará uma maior rentabilidade ao homem do campo e, consequentemente, melhor qualidade de vida, aumento dos investimentos na produção, e autossuficiência e diminuição do preço da farinha, em médio e longo prazos.

 

Juan Monteiro – Administrador e Jornalista