Polícia Civil desbarata quadrilha especializada em roubo de gado no interior do Amapá

A onda de furtos de animais vinha sendo investigada havia 5 meses

Cleber Barbosa, da Redação

 

Policiais civis do Amapá, com o apoio da Justiça da Comarca de Pracuúba, desencadearam na manhã desta segunda-feira (02) uma grande operação para cumprir 11 mandados de prisão preventiva contra integrantes de uma verdadeira quadrilha especializada em furto e receptação de gado. O delegado que comandou a ação, César Augusto Vieira, diz que o grupo há tempos vinha aterrorizando pecuaristas de todos os portes naquela região, tida como promissora para a criação de gado.

As ações consumiram longos cinco meses de investigação para se chegar a autores, modus operandi e endereços. O delegado representou ao Ministério Público pedindo a prisão preventiva dos suspeitos e o processo foi deferido pela juíza de Direito Délia Silva Ramos. A Sede da Delegacia de Calçoene, na Costa do Estado, mas as ações dos bandidos miravam toda a região dos Lagos, que engloba os municípios de Tartarugal, pracuúba e Amapá

Os mandados de prisão começaram a ser cumpridos logo cedo e cinco bandidos foram capturados, sendo um deles em Amapá, detido por policiais militares e um outro está na Penitenciária em Macapá. O delegado diz que além da parte criminal, existe uma preocupação com a qualidade da sanidade animal o que certamente poderia gerar uma série de transtornos e prejuízos à economia, ao estado e à população.

 

Acompanhe entrevista em vídeo com o delegado que comandou as ações